Cyberpunk 2077 tem lançamento programado para 17 de Setembro prometendo, sem exageros, tornar-se um dos 100 melhores games já produzidos pela indústria.

Atualização: O game foi adiado para Novembro!

Desenvolvido pelo estúdio polonês CD Project RED (o mesmo de The Witcher 3), o game futurista será um RPG de ação massivo, repleto de conteúdo e ambientado em um futuro distópico na cidade de Night City, uma metrópole fascinante e ao mesmo tempo perigosa dominada por gangues rivais.

Os trailers revelados até o momento (abaixo) trazem um universo rico, gráficos de próxima geração além de elementos visuais e mecânicas de gameplay inegavelmente semelhantes a Ghost in the Shell nos levando a seguinte pergunta: Será que o estúdio polonês utilizou uma das maiores obras de ação e ficção científica japonesa como inspiração?

Entre os elementos parecidos haverá a "ciborguerização" das pessoas com indivíduos cheios de implantes eletrônicos em seus corpos incluindo terminais conectados diretamente ao cérebro orgânico permitindo o acesso e manipulação da poderosa internet do futuro no entanto abrindo brechas para que pessoas desavisadas tenham seus "cérebros hackeados", algo muito parecido ao que acontece em Ghost in the Shell. 

Será possível até mesmo invadir equipamentos e investigar o cyber cérebro de outros indivíduos usando um cabo diretamente conectado. Tática essa que é clássica da protagonista Motoko Kusanagi após capturar algum suspeito de suas investigações.

Em Cyberpunk 2077 o jogador poderá controlar robôs e protótipos militares os sincronizando a um dungle acoplado ao terminal cerebral. Em Ghost in the Shell é comum vermos Kusanagi hackeando droides de combate ou helicópteros militares com o objetivo de paralisá-los.

Night City será uma metrópole gigantesca e caótico onde o dinheiro é totalmente virtual, a decadência humana convive lado a lado ao grande desenvolvimento tecnológico e organizações sombrias controlam tudo das sombras. Uma descrição semelhante poderia ser feita a respeito da Tóquio futurista que abriga as aventuras de Kusanagi e seus parceiros da Seção 9.

E por fim Cyberpunk 2077 terá uma internet infinitamente robusta e poderosa tornando-se um universo paralelo onde as pessoas terão a possibilidade de realizarem "mergulhos" a hora que bem entenderem. Esta é outra ideia mostrada pela primeira em Ghost in the Shell especialmente nos animes Stand Alone Complex (2002 a 2004) e Arise (2013 a 2015).

O novo game do estúdio polonês trará obviamente outras inspirações incríveis de obras da ficção científica e como fã do estilo mal posso esperar pelo seu lançamento. Confira os vídeos abaixo.

Deixe seu comentário e se curtiu, compartilhe.

Confira outras postagens em nossa Home.

Nos siga nas redes sociais.

Valeu e até a próxima.

* Vídeo promocional de Cyberpunk 2077 linkado diretamente do Youtube de acordo com políticas de compartilhamento.
* Trailer de Ghost in the Shell Arise (2013) linkado diretamente do Youtube de acordo com políticas de compartilhamento.