Apoie-nos via Pix. Email-chave: giganalise@gmail.com

Koi to Yobu ni wa Kimochi Warui. A comédia romântica entre uma adolescente otaku e um jovem adulto fanfarrão vai receber adaptação para anime. (Giganálise News)



A editora Ichijinsha anunciou nesta Terça-feira, 21 de Janeiro, uma adaptação para anime de Koi to Yobu ni wa Kimochi Warui (É Desagradável Chamar Isto de Amor).

A obra é originalmente um mangá em estilo comédia romântica seinen (para jovens adultos) escrito e ilustrado pelo autor Mogusu. Apesar da sinopse, por motivos óbvios, abrir espaço para polêmicas o mangá tem teor leve mais focado na interação cômica entre os personagens envolvidos.

A história acompanha o protagonista Ryou Amakusa um jovem adulto solteirão, louco por sexo, sempre com olhar vagando em busca de mulheres e a personagem Ichika Arima, uma garota colegial normal e otaku que é amiga próxima da irmã menor do rapaz. 

Os dois se encontram um dia por acaso, Ryou não perde tempo e dá aquela cantada seca e direta pedindo a Ichika um beijo e fazendo um convite para saírem juntos. Mas ela assustada e indignada recusa a proposta na lata e o repreende verbalmente. Apesar da primeira rejeição Ryou está convencido que ichika é a garota que ele procurava há muito tempo.

O anime ainda não possui estúdio, equipe técnica ou data de estreia revelados. Como já afirmei outras vezes: Embora esta não seja uma regra absoluta de mercado uma vez que uma adaptação é anunciada seu início geralmente ocorre entre os 3 a 12 meses seguintes. Meu palpite (APENAS UM PALPITE) é que Koi to Yobu ni wa Kimochi Warui venha ao ar mais ou menos por volta do Outono/2020 (início em Outubro). 

A história vem sendo distribuída como um Web Mangá desde 2016 chamando a atenção da editora Ichijinsha que já publicou 7 volumes impressos (o sétimo saiu na última Sexta-feira, 18 de Janeiro). Entre versões físicas e digitais o mangá já vendeu mais de 1.000.000 de cópias.

Deixe seu comentário e se cutiu, compartilhe.

Confira outras postagens em nossa Home.

Nos siga nas redes sociais.

Valeu e até a próxima.

Leia Também: