Se você estava ansioso(a) pela estreia de Ex-Arm no início de 2021 já deve ter conhecimento da polêmica em torno do primeiro trailer (abaixo) que frustrou bastante as expectativas.

O website americano Anime News Network (fonte ao final), talvez um dos mais conhecidos no ocidente, expôs ontem um artigo com revelações sobre a equipe técnica envolvida no anime.

Ex-Arm terá:

Direção geral: Yoshikatsu Kimura;
Roteiro: Tommy Morton;
Música: Sou Kimura
Diretor de Ação: Takahiro Ouchi;
Estúdio: Visual Flight.

Segundo o artigo nenhum destes nomes têm experiência anterior com animação. Yoshikatsu Kimura fez carreira como diretor de live-actions, Tommy Morton é provavelmente um pseudônimo e Sou Kimura é um guitarrista que costuma trabalhar a noite como DJ. 

Takahiro Ouchi igualmente nunca se envolveu com animação e seu trabalho mais recente foi como dublê nos live-actions de Rurouni Kenshin (Samurai X).

De acordo com a ANN esses profissionais aparentam não ter conhecimentos básicos nem apego aos princípios que levam há uma boa animação. O resultado negativo foi visto no trailer lançado este mês. 

O artigo também critica a negligência dos produtores envolvidos. Ao ser questionado sobre o fato de diretores de live-actions raramente trabalharem em animes Yoshikatsu Kimura respondeu: "Eu tenho experiência como diretor então resolvi arriscar!"

Quanto ao estúdio, a Visual Flight está presente em apenas dois trabalhos contribuindo em uma demonstração de dança para Unity (Nota: o estúdio apenas contribuiu) e prestando serviços de modelagem para o game Sekiro: Shadows Die Twice.

Embora pouco confiante julgar por antecedência é um erro então resta-nos aguardar até a possível estreia e conferir o anime finalizado. Confira o vídeo abaixo.

Deixe seu comentário e se curtiu, compartilhe.

Confira outras postagens em nossa Home.

Nos siga nas redes sociais.

Valeu e até a próxima.

* Trailer linkado diretamente do Youtube de acordo com políticas de compartilhamento.