Apoie-nos via Pix. Email-chave: giganalise@gmail.com

Nakitai Watashi wa Neko wo Kaburu. Novo longa-metragem animado do estúdio Colorido ganha data de estreia. Confira os detalhes. (Giganálise News)



O estúdio de animação Colorido teve fundação em 2011 pelo produtor Hideo Uda

Adotando o princípio de "manter um ambiente criativo onde os profissionais possam trabalhar pacificamente contribuindo com o desenvolvimento da animação japonesa" o estúdio foi responsável no passado por animes de curta duração, pelo filme Penguim Highway (2018) e confirmou no final de Janeiro que irá lançar seu segundo filme chamado Nakitai Watashi wa Neko wo Kaburu (Eu Quero Chorar então Fingirei Ser uma Gata) dia 05 de Junho nos cinemas.

Já com trailer revelado (abaixo) a história original será um romance adolescente com elementos de ficção e fantasia ambientada na cidade de Tokoname pertencente a província de Aishi na costa leste do Japão. A protagonista Miyo Sasaki é uma excêntrica estudante colegial apelidada de "Muge" estando apaixonada colega Kento Hinode mas não obtendo sucesso em ser notada pelo garoto. 

Certo dia Muge descobre uma máscara com poderes sobrenaturais que a permite se transformar em uma gata chamada Tarou realizando finalmente o desejo de está próxima a Kento mas a impedindo de voltar a forma humana.

Entre os dubladores confirmados Muge terá a voz de Mirai Shida (a Melida Shields de Boku no Hero Academia) e Kento será interpretado por Hanae Natsuke (o Tanjirou de Kimetsu no Yaiba)
A equipe técnica possui nomes muito interessantes com direção de Junichi Sato (diretor geral de Amanchu!) em parceria com Tomotaka Shibayama e roteiro da experiente Mari Okada (já escreveu para inúmeras séries incluindo Toradora, Gosick e o filme Makia).

Deixe seu comentário e se curtiu, compartilhe.

Confira a seção "Leia Também" ao final além de outras postagens em nossa Home.

Nos siga nas redes sociais.

Valeu e até a próxima.


* Vídeo promocional linkado diretamente do Youtube de acordo com termos de serviço da API e políticas de compartilhamento.

Leia Também: