O mês de Setembro chegou e isso significa que a temporada de Verão\2019 no mercado de animes começa a se despedir. Repetimos, caso esteja se perguntando porque realizamos o review de animes que ainda não se encerraram o motivo é que nossas análises são contextuais. Não pretendemos abordar detalhe a detalhe o que acontece durante os episódios para não estragar a experiência de quem ainda vai acompanhá-los. Nossos reviews têm dois públicos alvos bem definidos: Primeiro, pessoas que ainda não assistiram algum anime e estão a procura de informações relevantes sem muitos spoilers e, segundo, aqueles que curtem este tipo de publicação. Vamos lá.

Kanata no Astra, também conhecido pelo título Astra Lost in Space, está chegando ao fim agora no mês de Setembro. 

O anime que acompanha um grupo de estudantes perdidos no espaço procurando um meio de voltar para casa trouxe enredo divertido e surpreendente com revelações de explodir a mente a cada episódio somados a um elenco de personagens de carisma decente, boa comédia, boa animação e uma direção de arte fenomenal.

O mangá que originou a série ganhou o prêmio Manga Taisho de 2019 e ficou em 12º lugar na última edição do guia Kono Manga ga Sugoi! (Este Mangá é Incrível!) sendo publicado pelo aplicativo Shonen Jump + tendo 5 volumes disponíveis. Apesar do grande foco na sobrevivência a história tem uma atmosfera leve e comédia sempre presente o que agrada a alguns mas pode desapontar (apenas um pouco) aqueles que são adeptos de uma narrativa mais séria e dramática.

Este parágrafo é dedicado as pessoas e o estúdio por trás da animação. Caso não tenha interesse em dados tipo nome do autor ou notas em sites e fóruns, basta saltar para o parágrafo seguinte. Kanata no Astra (tradução, A Astra de Kanata) é originalmente um mangá em estilo ficção científica, aventura, comédia e mistério escrito e ilustrado por Kenta Shinohara. A adaptação para anime foi produzida pelo estúdio Lerche (o mesmo de Radiant e Asobi Asobase). Em um total de 12 episódios com 20 minutos de duração cada (exceto o primeiro e o último que tiveram 48) a série foi exibida durante a temporada de Verão\2019 (entre Julho e Setembro) tendo boa recepção alcançando nota 7.71\10 no Myanimelist ficando próximo dos 1000 mais bem ranqueados do website. (Observação: Esta nota é atribuída pelos usuários e pode variar com novos votos computados).

O INÍCIO DO ENREDO (SPOILERS EVITADOS QUANDO POSSÍVEL)
A história se passa no ano 2063 onde viagens entre planetas se tornaram comercialmente viáveis. Nós acompanhamos um grupo de 9 estudantes que estão fazendo a primeira excursão rumo ao planeta McPA, são eles: Kanata, Aries, Yunhua, Ulgar, Quitterie, Luca, Charce, Funicia e Zack. Em comum eles têm o fato de não serem amados por seus pais com exceção da personagem Aries, muito querida pela mãe.
Porém, ao desembarcarem em McPa um estranho orbe de luz envolve os alunos e os transportam para 5.000 anos-luz de distância os deixando à deriva no espaço. Eles sobrevivem graças a uma velha nave abandonada chamada Astra e percebem que irão morrer em pouco tempo sem água e alimento no entanto, elaboram um plano de retorno tendo que fazer paradas estratégicas em alguns planetas específicos para coleta e água e alimento.
Há muito mais em jogo durante a viagem, descobertas serão feitas referentes a vida pessoal de cada um e os motivos daquele grupo específico de alunos com características em comum ter sido formado. A narrativa é interessante apesar de envolver elementos um pouco clichês tipo clonagem humana e um plano de assassinato coletivo mas se desenvolve bem, de modo surpreendente as vezes.

FICÇÃO CIENTÍFICA E PERSONAGENS

Para os fãs de ficção científica e exploração espacial o anime nos leva a planetas exóticos, alguns paradisíacos e perigosos outros excêntricos e sem sistema de rotação, enquanto a história vai aprofundando a amizade entre os alunos.

Devido o número considerável de personagens haverão aqueles que geram mais simpatia, outros nem tanto. 

Podemos destacar o Kanata (dublado por Yoshimasa Hosoya), muito sociável ele deseja ser comandante tendo uma personalidade que nega-se a desistir; Aries (dublada por Inori Minase), uma garota alegre, gentil e otimista; Quitterie (dublada por Tomoyo Kurosawa), uma tsundere caprichosa de visual bastante carismático mas personalidade difícil; Zack (dublado por Shunsuke Takeuchi), o mais sério e científico do grupo com pouca capacidade de expressar emoções e Yunhua (dublada por Saori Hayami), uma garota muito bonita mas de início com baixa autoestima tendo o sonho de ser intérprete musical.

Kanata no Astra tem alguns momentos de comédia romântica, muito bons por sinal, envolvendo Aries e Kanata sendo este tapado demais para perceber o interesse da garota e entre Quitterie e Zack no qual ela é apaixonada pelo rapaz desde criança mas se irrita com a falta de sensibilidade do mesmo ao lidar com o assunto.

Quanto ao visual o estúdio Lerche entregou um material de boa qualidade com design de personagens caprichado, fiel ao mangá, destacando as belas expressões faciais do elenco feminino. A animação flui bem sem distorções e a direção de arte e design de cores são um show à parte. Tudo é muito vivo, chamativo e alegre tendo bons efeitos computadorizados.

Kanata no Astra foi dirigido por Masaomi Andou, tendo roteiro adaptado de Norimitsu Kaihou, design de personagens de Keiko Kurosawa e trilha sonora de Masaru Yokoyama em parceria com Nobuaki Nobusawa. O anime pode ser encontrado na América do Norte pela Funimation mas no momento dessa postagem não tem streaming oficial para o mercado brasileiro. Confira o tema de abertura mais abaixo.

Deixe seu comentário e se curtiu, compartilhe.

Confira a seção "Leia Também" e outras postagens em nossa Home.

Nos siga nas redes sociais.

Valeu e até a próxima.

Links Relacionados:





* Open de Kanata no Astra linkada diretamente do Youtube de acordo com termos de serviço da API e políticas de compartilhamento.

Leia Também: