Clique Aqui e Leia o Review Final

* Esta postagem tem spoilers evitados quando possível.

Kanata no Astra (ou Astra Lost in Space) está em exibição nesta temporada de Verão\2019 encontrando-se atualmente no 3º episódio de um total ainda não definido. O anime acompanha a jornada de 9 alunos lutando para sobreviver no espaço e voltar para casa em segurança a bordo de uma velha nave espacial abandonada. A série é originalmente um mangá shounen de ficção científica escrito e ilustrado por Kenta Shinahara tendo ganho o prêmio Manga Taisho de 2019 e ficando em 12º lugar na última edição do guia Kono Manga ga Sugoi (Este Mangá é Incrível). 

O centro de empolgação da narrativa é apoiado na construção dos relacionamentos dos alunos e no mistério. Elementos que invariavelmente prendem muito a atenção do público jovem e adolescente. Cada um dos alunos tem backgrounds históricos e dilemas mal resolvidos indo desde rejeição paternal, orfandade e até mesmo sentimentos de baixa auto-estima o que leva o público a se identificar com um ou outro personagem e torcer pelo seu amadurecimento e felicidade dentro da trama

Apesar de um início lento e com momentos de diálogo um pouco entediantes Kanata no Astra traz um enredo de mistério e ficção científica que muita gente curte mas que anda em falta ultimamente no mercado de animes, o que é um contraste perante todo o desenvolvimento tecnológico que a humanidade vem atravessando atualmente incluindo projetos de viagens à Marte e a implementação cada vez maior de inteligências artificiais em nosso cotidiano. Ao passo que a série aborda o retorno dos personagens a Terra fazendo parada em 5 planetas colhendo água e alimento  e desenvolvendo o convívio de protagonistas problemáticos, para jogar mais lenha na fogueira recentemente eles descobriram que um dos alunos à bordo pode está tentando sabotar a viagem tendo inclusive destruído o sistema de comunicação da nave.
Neste 3º episódio fragmentos de meteoros atingiram a carcaça da espaçonave causando pequenos furos que desligaram os motores e o sistema de gravidade arremessando-a em queda livre a um planeta desconhecido. Diante da morte iminente os alunos rapidamente cooperaram usando cada um sua habilidade ligando o sistema de emergência e evitando o impacto com o solo. O interessante foi perceber não apenas a atmosfera de empolgação como o envolvimento proativo de personagens vistos como silenciosos ou anti-sociais.

Muita coisa ainda está para acontecer em Kanata no Astra, o anime é produzido pelo estúdio Lerche (o mesmo de Ansatsu Kyoushitsu) com direção de Masaomi Andou indo ao ar uma vez por semana, todas as Quartas-feiras, mas não tem streaming oficial para o mercado brasileiro.

Deixe seu comentário e se curtiu, compartilhe.

Confira a seção "Leia Também" e outras postagens em nossa Home.

Nos siga nas redes sociais.

Valeu e até a próxima.

* Vídeo promocional linkado diretamente do Youtube de acordo com termos de serviço da API e políticas de compartilhamento.


Leia Também: